MESA REDONDA
 
 

      

          AÇÕES PREVENTIVAS E EMERGENCIAIS EM SITUAÇÕES DE TRAGÉDIAS DE ESCORREGAMENTO

 

 
   
  • Os trágicos escorregamentos de terra, ocorridos na região serrana do Rio de Janeiro no início do mês de janeiro de 2011, abalaram e sensibilizaram profundamente a Sociedade Brasileira, principalmente considerando o grande número de mortes registrado principalmente nas cidades de Nova Friburgo, Petrópolis e Teresópolis. Frente ao porte e à extensão dos escorregamentos registrados e a importância das ações mitigadoras e providências que geralmente são necessárias em situações deste tipo, diversas associações técnico-científicas especializadas nesta área do conhecimento humano resolveram promover discussões e avaliações mais detalhadas sobre o assunto em várias regiões do País, objetivando ampliar o nível de conhecimento sobre as situações naturais ou de ações antrópicas que propiciam e ou contribuem para a ocorrência destas tragédias. Ao mesmo tempo, enfatizou-se também o objetivo de se esclarecer a população em geral sobre a necessidade da adoção de medidas mitigadoras e de respeito às limitações naturais e legais impostas à ocupação humana em áreas de risco, classificadas como potencialmente favoráveis à ocorrência de escorregamentos e enchentes.

    Em Salvador, a participação do Núcleo Bahia - Sergipe da Sociedade Brasileira de Geologia no planejamento, organização e realização da Mesa Redonda  sobre "Ações preventivas e emergenciais em situações de tragédias de escorregamento", representativa de um esforço conjunto dos núcleos regionais da Bahia, da Associação Brasileira de Geologia de Engenharia (ABGE), da Associação Brasileira de Mecânica de Solo (ABMS) e da Sociedade Brasileira de Geologia (SBGeo) se deu também através do patrocínio na presença de dois renomados conferencistas da Geologia Nacional: a Drª Lidia KeikoTominaga, do Instituto Geológico do Estado de São Paulo, especialista em Desastres Naturais e do Professor Dr. Umberto Giuseppe Cordani, do Instituto de Geociências da USP, representante do Brasil por muitos anos na UNESCO, face sua experiência internacional na área dos Planos de Contingência na Execução de Ações de Caráter Preventivo e Emergencial, tema abordado no evento sob a forma de Painel.
     

  • A Mesa Redonda, realizada nos dias 6 e 7 de abril de 2011, no auditório Leopoldo Amaral da Escola Politécnica da UFBA, foi um sucesso, registrando-se a participação de mais de 120 profissionais. Confira aqui os registros e comentários ilustrados da ABMS a respeito do evento registrados no site da entidade. 

 

Página em construção

 
   

Retorna a página anterior